outubro 2015

Saiba qual a melhor época para visitar os parques da Disney

Posted By : pedro/ 66 0

Uma das dúvidas mais frequentes dos apaixonados pela Disney é qual a melhor época do ano para realizar o sonho, afinal, ninguém quer ir em épocas de muito movimento e ficar horas e horas nas filas.

Apesar do número de visitantes ser alto (cerca de 120 mil pessoas por dia), é sempre bom que as pessoas saibam a variação na lotação dos parques ao longo do ano, pois há dias com muito movimento e outros, nem tanto.

Confira abaixo, o mês a mês que fizemos para que você analise a melhor ocasião para conhecer os parques.

Janeiro
Ainda com resquícios do ano novo, até o dia 5 de Janeiro os parques ainda estão super lotados. Apesar de ser uma época super bonita devido a decoração de Natal e o clima, evite a visita nessa época, se puder. Outro agravante de movimentação é a Maratona Disney, onde alguns caminhos do parque ficam interditados pro causa da maratona. Além da maratona, tem também o Martin Luther King Day, um feriado nacional e por consequência disso, ocorre uma grande lotação.

Fevereiro
Apesar de não ser uma comemoração nos EUA, o Carnaval faz com que os parques fiquem um pouco mais cheios, pois as pessoas escolhem sair da movimentação do Brasil para tirar uns dias de folga e curtir a Disney. Nesse mês, tem o Mardi Gras na Universal, que geralmente não é por causa dele que os parques lotam mais, mas quando tem presença de cantores ou algum evento, a movimentação aumenta bastante. Alguns eventos nesta época do ano tornam os parques mais cheios, como Princess Half Marathon Weekend e o Spring Break.

Março
Ainda com a duração do Spring Break, Março também se torna uma época bastante movimentada. Além desse evento, temos o Flower & Garden Festival, a Páscoa e a continuação do Mardi Gras na Universal.

Abril
Como o Spring Break acaba nessa época, muita gente acredita que a lotação dá uma diminuída, o que é falso, pois os parques tornam-se ainda mais atrativos. Até porque, o Mardi Gras ainda está a todo vapor!

Maio
Um bom mês para visitar e conhecer bem os parques, pois a lotação está bem abaixo da média, tem um clima ótimo e com o finalzinho do Flower & Garden Festival. Mas alguns eventos aleatórios podem chamar atenção dos visitantes, deixando o movimento um pouco mais elevado.

Junho e Julho
Um dos piores meses para visitar os parques, pois é férias em alguns países e ainda tem o clima bem quente. Além das férias, temos também o feriado nacional de 4 de Julho, onde os parques ficam super lotados todos os dias do mês. O lado positivo dessa época do ano é a queima de fogos no feriado, é bem emocionante.

Agosto
Início das férias de verão dos EUA, mas vai esvaziando gradativamente ao longo do mês.

Setembro
Férias acabaram, o clima está ameno, poucas filas… Apesar do feriado nacional Labor Day, você não fica tão prejudicado quanto a movimentação nas atrações. Alguns eventos como Food & Wine, Mickey’s Not so Scary Party e Halloween Horror Nigths são bem tranquilos. O primeiro, você quase não vai perceber. Já os outros dois, deixam os parques mais movimentados, mas nada que interfira no movimento baixo dos parques.

Outubro
Os parques já voltam a encher novamente, nada muito lotado, mas já aumenta um pouco devido ao feriado Columbus Day e as festas de Halloween.

Novembro
Talvez não seja a melhor época devido a lotação dos parques, mas é a mais linda por causa da decoração de Natal! Com feriado e atrações nos parques, o volume de visitantes cresce bastante.

Dezembro
No começo do mês, os parques ainda estão calmos, mas lá pela metade de dezembro já podemos ver mudanças grandes. Gradualmente os parques vão enchendo até atingir o nível máximo de lotação. Apesar disso, é a época mais linda e mágica de todas devido a decoração e festas de Natal.

Com esse resumão dos meses, você já pode programar a sua viagem e se divertir bastante! <3

A experiência de voar

Posted By : pedro/ 50 0

Tem muita vontade de voar mas não sente-se seguro? Se você está de férias em Orlando e com vontade de fazer algo diferente, essa é a sua oportunidade de realizar tudo de uma só vez visitando um único lugar: iFly.

O iFly é um simulado de paraquedas completamente seguro e que não exige nenhuma experiência em pulos e santos. Antes de entrar, o visitante recebe uma roupa especial e um pequeno treinamento com a posição que deve permanecer durante a experiência e dicar de como se comportar.

Pela segurança que o lugar e a atração oferece, crianças de a partir de 3 anos já podem aproveitar e se divertir, inclusive pessoas com deficiência física, porém, com o nível de intensidade do vento controlado.

Gostou e quer se aventurar? O iFly oferece dois tipos de pacotes, o “Earn Your Wings”, que inclui dos voos no túnel do vento vertical e o “Earn Your Wings – Pacote Multimedia” que dura uma hora com treinamento e duas rotações de voo.

O endereço é 6805 Visitor Circle, International Drive, Orlando e o valor é a partir de 65 dólares.

A experiência de voar

Posted By : pedro/ 96 0

Tem muita vontade de voar mas não sente-se seguro? Se você está de férias em Orlando e com vontade de fazer algo diferente, essa é a sua oportunidade de realizar tudo de uma só vez visitando um único lugar: iFly.

O iFly é um simulado de paraquedas completamente seguro e que não exige nenhuma experiência em pulos e santos. Antes de entrar, o visitante recebe uma roupa especial e um pequeno treinamento com a posição que deve permanecer durante a experiência e dicar de como se comportar.

Pela segurança que o lugar e a atração oferece, crianças de a partir de 3 anos já podem aproveitar e se divertir, inclusive pessoas com deficiência física, porém, com o nível de intensidade do vento controlado.

Gostou e quer se aventurar? O iFly oferece dois tipos de pacotes, o “Earn Your Wings”, que inclui dos voos no túnel do vento vertical e o “Earn Your Wings – Pacote Multimedia” que dura uma hora com treinamento e duas rotações de voo.

O endereço é 6805 Visitor Circle, International Drive, Orlando e o valor é a partir de 65 dólares.

Sai Downtown Disney, entra Disney Springs

Posted By : pedro/ 107 0

O centro de entretenimento, jantar e compras Downtown Disney está passando por uma grande reforma, praticamente dobrando de tamanho e ganhando novas atrações. Mas esta mudança vai além. Até 2016, Downtown Disney (DTD) não terá mais esse nome, passando a ser chamado de Disney Springs.

DS-West-Side-Elevated-Areas

A troca do nome está sendo feita aos poucos, começando pelos mapas e placas. Além disso, o Disney Springs será dividido em quatro áreas: Town Center, The Landing, Marketplace e West Side. Dessas, as duas primeiras áreas são completamente novas e as duas últimas são as que estão passando por reformas.

disney-springs-guide-map

A ideia do novo espaço dá continuidade a um complexo de entretenimento com restaurantes, bares e agora um foco especial em compras. A previsão é que o Disney Spring passe a ter mais de 150 lojas, entre elas, Zara, Tommy Bahama, Lilly Pulitzer, Uniqlo, Pandora, UGG, L’Occitane en Provence e Edward Beiner. O estacionamento também será ampliado, passando de um andar para um prédio, com placas eletrônica que indicam onde ainda há vagas e o número de vagas disponíveis em cada seção.

disney-springs

Como aproveitar a Disney com as crianças

Posted By : pedro/ 71 0

Ir com as crianças aos parques temáticos de Orlando é supermágico, mas os pais precisam estar preparados para esta maratona. Pensando nisso, a ATT separou algumas dicas para aproveitar os parques da Disney ao máximo com os pequenos.

1. Escolha os parques de acordo com o gosto das crianças. O Magic Kingdom é o parque mais mágico da Disney e geralmente é o mais adequado para os pequenos, com atrações mais lights. Já o Busch Gardens tem as montanhas-russas mais radicais.

2. Leve um livro de autógrafos e passeie pelo parque procurando os personagens para conseguir o maior número de assinaturas possível. Assim você conhece muitos personagens e terá um caderninho de recordação.

3. Reserve um tempo para assistir às paradas e aproveitar as opções de entretenimento ao ar livre dos parques. O Magic Kingdom tem o Dream-Along With Mickey, um espetáculo interativo com vários personagens. Já o Epcot tem os JaMMitors e os shows de acrobacias da França e na China, enquanto o Hollywood Studios e o Animal Kingdom, também têm performances do tipo.

4. Dê prioridade para as atrações mais “mágicas”, que são ideais para criar momentos especiais. Uma delas é o Enchanted Talles With Belle, na qual são selecionadas algumas crianças para participar do showzinho.

5. Os parques possuem o Baby Care Center, um espaço para bebês com trocadores, uma cozinha para esquentar papinhas, cadeirão e espaço para fazer as crianças dormirem.

6. Leve lanchinhos! As filas podem ser longas e você não vai poder sair delas pra comprar algo para comer. Então leve na mochila alguns snacks para garantir.

7. Alugue um carrinho para que as crianças possam descansar entre as atrações. As atrações maiores geralmente têm um lugar para estacionar os strollers e você pode buscá-los quando sair do brinquedo.

8. Depois de horas andando pelos parques, as crianças ficam exaustas. Por isso, volte ao hotel para descansar um pouco antes de sair novamente à noite e saiba quando é hora de terminar os passeios.

9. Você pode usar o Rider Swith em algumas atrações da Disney da Universal. Ele permite que os visitantes adultos se revezem para esperar os filhos que não vão no brinquedo. Um exemplo: a mãe vai na atração e o pai espera com o filho do lado de fora. Quando a mãe sair, ela fica no lugar que o pai estava antes, tomando conta do filho, e o pai pode ir na atração sem ter que esperar na fila comum novamente!

10. Comece uma coleção de pins nos parques. As crianças adoram ficar com as “cordinhas” penduradas no pescoço, mostrando seus broches e trocando com Cast Members.